Hidromel sob uma nova perspectiva

Hidromel sob uma nova perspectiva

Hidromel sob uma nova perspectiva: Se você me perguntasse há dez anos se eu gostaria de um copo grande de hidromel para saciar minha sede em um dia quente de verão, eu teria rido de você.

Você já provou um hidromel ruim antes? Eu também.

A bebida à base de mel, que remonta a milhares de anos, não é exatamente a primeira coisa que uma pessoa pensa enquanto anda pelos corredores de uma loja de bebidas. Ou quando lê atentamente a carta de bebidas de um restaurante. Seu nível de doçura sempre assumido desinteressa as pessoas.

No entanto, aqui estou desfrutando de uma descoberta recente criada pela Fallentimber Meadery, chamada Mr. Pink. Tecnicamente, um híbrido de sidra e hidromel conhecido como Cyser, esta bebida foi fermentada com mel, maçãs e framboesas e é ridiculamente refrescante. É saboroso, com a distinta doçura persistente do mel.

Hidromel sob uma nova perspectiva: Homem em pe ao lado de barris

Dan Molyneux, seu tio Kevin e primo Nathan Ryan, vistos aqui em 18 de julho de 2019, trabalham juntos desde 2010.

Apresentação diferenciada

Olhando para além de seu sabor agradável, o apelo do design da garrafa faz com que pareça mais uma bebida artesanal fresca do que a maioria dos hidromeis engarrafados.

Dan Molyneux é o proprietário desta interessante charneca, produzida em Water Valley, a aproximadamente uma hora de carro de Calgary. Aqui, Molyneux trabalha com seu tio apicultor e primo Mestre de Hidromel – Kevin e Nathan Ryan, respectivamente, desde 2010 na sua fazenda de família de 50 anos de idade, para criar uma variedade de hidromel que varia desde o tradicional ao algo mais.

A produção de hidromel envolve essencialmente mel, água, leveduras e um período de fermentação. Tal como acontece com a vinificação, diferentes tipos de meis podem oferecer terroirs diferentes ao produto acabado. Na fazenda da família Ryan, Fallentimber usa mel do apiário local para criar seu hidromel.

Quebrando primeiras más impressões

“(As pessoas assumem automaticamente) que não gostam de hidromel porque um de seus amigos já tentou produzir na banheira da faculdade”, disse Molyneux. “As pessoas também pensam que, porque é derivado do mel, será superdoce, quando você pode torná-lo superseco, se quiser.”

No ano inaugural de Fallentimber, a charneca ofereceu apenas hidromel tradicional e doce, mas depois de vários anos, Molyneux e Ryan decidiram começar a experimentar o que chamam de “Session Mead” como forma de aumentar o apelo.

Hidromel sob uma nova perspectiva: Homem servindo hidromel

Fallentimber tem hidromel disponível em restaurantes e bares em Alberta e lojas de bebidas em Saskatchewan.

As bebidas à base de mel que eles criaram tinham menos álcool, carbonatadas e muito menos doce do que qualquer hidromel tradicional da província. Em 2015, ele lançou seu hidromel de mel caramelizado com infusão de uma mistura de lúpulo cascade e chinook. Dois anos depois, o Meadjito, surgiu. Então veio uma combinação de gengibre, limão e hidromel, chamada Honey Buck, em 2018.

Descobrindo um novo mundo

“Estes são hidromeis que destroem quaisquer equívocos sem explicação. Eles são a porta de entrada ao hidromel que ajudam a abrir os olhos das pessoas para esse grande mundo sem intimidá-las”, disse Molyneux.

Hoje, os Sessions Meads de Fallentimber estão prontamente disponíveis em uma variedade de restaurantes e bares em Alberta, bem como em lojas de bebidas em Saskatchewan. Outro estilo interessante e menos conhecido que eles produzem em pequenos lotes é o Pyment, um hidromel infundido com uvas cabernet sauvignon do Okanagan que é algo semelhante ao vinho tinto.

Essas bebidas exclusivas à base de hidromel parecem ser uma receita para o sucesso da hidromelaria de nove anos de idade. Molyneux disse que a fazenda passou por uma expansão substancial para permitir a produção de até dois milhões de litros de hidromel por ano. Até o final deste ano, eles terão produzido mais de 200.000 litros.

Hidromel sob uma nova perspectiva: Foto do lado externo da fazenda

Seu Kerr Cyser e Sour Cherry Cyser foram abraçados por restaurantes e bebedores.

Novos lançamentos

Embora a Fallentimber Meadery pareça seguir seu próprio caminho na indústria de hidromel com sua inovadora linha de bebidas, uma nova sidra de Saskatchewan, chamada Sentinel Bottleworks, também está experimentando alguns cysers engarrafados.

Tanto o Kerr Cyser quanto o Sour Cherry Cyser estão disponíveis em toda a província e foram rapidamente adotados por restaurantes locais e por consumidores intrigados.

Autor: Dan Clapson

Tradutor: Alexandre Augusto Peligrini

Fonte: https://www.theglobeandmail.com/canada/alberta/article-albertas-fallentimber-meadery-helps-people-see-mead-in-new-light/

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *