Por que o hidromel pode ser a próxima grande bebida artesanal?

Por que o hidromel pode ser a próxima grande bebida artesanal?

Por que o hidromel pode ser a próxima grande bebida artesanal? Os entusiastas de bebidas artesanais estão constantemente em busca de novas experiências e da próxima grande tendência. Mas, recentemente, mais deles estão se voltando para uma bebida que remonta a 7.000 aC: o hidromel.

“O hidromel dificilmente é um pontinho no radar do movimento de bebidas artesanais, mas acho que isso é uma vantagem”, diz Aron Wehr, da Wehrloom Honey, produtora em Robbinsville, Carolina do Norte. Acreditamos que podemos ganhar participação de mercado em todas essas categorias em crescimento. Com as bebidas artesanais vendo crescimento ano após ano, não estamos tentando vencê-las, mas se pudermos receber clientes de cada um desses vastos grupos, podemos esperar um crescimento exponencial.” Wehr lançou recentemente uma campanha de crowdfunding da Wefunder para capitalizar esse crescimento previsto, a fim de construir Asheville, a primeira taberna de hidromel da Carolina do Norte.

Crescimento a todo vapor

Hoje em dia, uma nova hidromelaria é aberta a cada três dias, em média, com o número atual de hidromelarias ultrapassando 500, enquanto outras cerca de 200 aguardam a aprovação da licença federal – um aumento de 2.233% desde 2003, quando os Estados Unidos possuíam apenas 30 hidromelarias.

Os estilos incluem três subcategorias de hidromel tradicional, hidromel de frutas e o estilo abrangente de “outro hidromel”, que se refere a muitos hidromel modernos que surgem no mercado que usam ingredientes não tradicionais como pimentas, suco de limão ou especiarias. Vicky Rowe, diretora executiva da American Mead Makers Association, diz que a organização tem visto um crescente entusiasmo entre consumidores e produtores na faixa etária de 21 a 40 anos. “Se nosso crescimento atual continuar, veremos o setor dobrar de tamanho em cinco anos, embora ainda seremos muito menores do que os outros setores de bebidas artesanais”, diz Rowe.

Evolução do produto

Billy Beltz, co-fundador da Lost Cause Meadery em San Diego, destaca “a tendência crescente de localidade e ‘senso de lugar’ que tem sido falado muito em comida, cerveja e vinho ultimamente, o hidromel é o exemplo perfeito disso.” A Lost Cause acaba de lançar um hidromel fortificado, semelhante a um vinho do porto, que Beltz diz ser raro para a indústria. A empresa também está envolvida em pesquisas sobre hidromel, testando diferentes protocolos de nutrientes para hidromel.

Por que o hidromel pode ser a próxima grande bebida artesanal? Hidromel e panquecas

A base do mel no hidromel perpetua a percepção imprecisa de que os hidromel são muito doces e grossos, ou que podem ser consumidos apenas no inverno ou ao redor de uma fogueira. De fato, muitas hidromelarias estão se esforçando para redefinir essa bebida versátil, que pode ser leve, efervescente e com baixo teor de álcool.

Mais desafios a frente

O mel também tem muitos benefícios para a saúde – outro fator na crescente popularidade do hidromel -, sendo rico em antioxidantes que podem ajudar a baixar a pressão sanguínea. “Com os benefícios do mel para a saúde, o hidromel está em alta no momento”, diz Ayla Guild, proprietária da The Hive Taproom em East Troy, Wis. “O único fator limitante à expansão do mercado de hidromel que vejo é a disponibilidade de mel de qualidade, especialmente quando as abelhas lutam em nível nacional.

Como apicultores, vemos como as abelhas têm muitos problemas que as atormentam e, embora sejam criaturas resistentes, tememos que os métodos atuais de transportar abelhas em todo o país para serviços de polinização sejam insustentáveis ​​em longo prazo.”

Palestras e eventos em torno do hidromel

Festivais dedicados estão surgindo e a bebida está sendo adicionada à agenda de outros festivais de bebidas artesanais com mais frequência também. Mas a mãe de todos os festivais de hidromel é a MeadCon, organizada pela American Mead Makers Association e ocorrerá em março desse ano em Broomfield, Colorado. A próxima interação marcará apenas o terceiro ano deste evento, que Rowe da AMMA descreve como “dois dias com palestras para entusiastas e profissionais de hidromel falando sobre tudo, desde como criar um hidromel melhor, história, técnicas, equipamentos, harmonização de hidromel e comida, e isso muda o tempo todo.” O outro foco principal da associação ano? “Para manter seu próprio lugar no setor, separe-o do vinho no nível federal”, diz Rowe. “Este é um esforço contínuo.”

Autor: Shawndra Russell

Tradução: Alexandre A. Peligrini

Fonte: https://fortune.com/2019/12/22/mead-craft-spirits/

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *